Terror e sobrenatural no YouTube

O YouTube é uma ferramenta revolucionária no universo de produção visual e de mídias sociais. Tanto que criou até uma nova profissão: o youtuber. É o caso do fortalezense morador de Curitiba, Henrique Grosse, criador do canal Clone. Com apenas 19 anos de idade, ele tem 1,4 milhões de inscritos em sua página. O canal começou em 2011, com foco exclusivo no segmento de games, e aos poucos foi se expandindo para pegadinhas, opiniões, desafios e, principalmente, vídeos com temas sobrenaturais e de terror. São três vídeos semanais, que alcançam uma média de um milhão de visualizações. A fórmula perfeita para se destacar foi segmentar e fidelizar o público, além de investir em equipamentos e formação profissional. Henrique cursa Cinema no Centro Europeu, uma das mais conceituadas escolas de profissões do país. “Desde que comecei com o canal, procuro aprimorar meus conhecimentos em produção audiovisual para trazer mais qualidade aos meus vídeos, e estudar cinema faz toda a diferença. Quando estou produzindo, sempre procuro colocar em prática os conteúdos que aprendi no curso, o que acaba fazendo toda a diferença”, afirma Henrique Grosse.

Para conhecer um pouco o trabalho de Henrique Grosse, 
acesse o canal Clone no YouTube (www.youtube.com/Clocraft).

Veja Também