1º FESTIVAL BRASILEIRO DE FILMES SOBRE MOBILIDADE

Evento traz exposições e seminários, e também premia filmes que promovam soluções de mobilidade urbana

Texto: Katrine Souza
Imagens: Reprodução/MOBIFILM

A MOBIFILM realizou no último final de semana, entre os dias 12 e 14, o Festival Brasileiro de Filmes sobre Mobilidade e Segurança Viária, uma cerimônia de premiação realizada pelo Centro Cultural São Paulo (CCSP), na capital paulista.

A primeira edição do festival foi inspirada no Global Road Safety Film Festival, que já teve edições nas cidades de Marrakech, Paris e Genebra. E contou com exposições e seminários com especialistas em mobilidade urbana e violência no trânsito, com o objetivo de fazer refletir sobre essas questões e propor soluções à população.

O MOBIFILM selecionou 88 produções nacionais, entre cerca de 300 inscritas em 12 diferentes categorias – como curtas e longas-metragens, filmes universitários, animações e webseries.

01

Os prêmios de curtas-metragens foram para “Em trânsito” (2013), de Marcelo Pedroso, um pequeno musical sobre o drama dos projetos desenvolvimentistas automobilísticos no Brasil, que foi destaque no VI Janela Internacional de Cinema do Recife, e “E” (2014), de Helena Ungaretti, Miguel Antunes Ramos e Alexandre Wahrhaftig, que alerta para as transformações urbanas em decorrência da construção de estacionamentos “paisagísticos”. Esse curta recebeu prêmio na Mostra de Cinema de Tiradentes e menção honrosa no festival É Tudo Verdade.

Também na mostra de filmes, o premiado documentário “Motoboys – Vida Loca”, de Caíto Ortiz, faz um registro in loco da vida de cinco motoboys, entre eles uma motogirl, revelando sua intimidade, comportamento, medos e sonhos.

Os seminários foram organizados pela ANTP – Associação Nacional de Transportes Públicos e você pode acompanhar o que rolou nos seminários pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=rrA1b5aDfLc

Veja Também