“O Vestido Viajante”: fotógrafa narra vivência de 13 mulheres em busca do amor próprio

0

A fotógrafa brasileira Roberta Montagnini, que figura entre os profissionais mais renomados de fotografia Fine Art na Europa, inspira mulheres com seu novo trabalho no projeto internacional “The Traveling Dress” (“O Vestido Viajante”). 

Roberta Montagnini coleciona importantes prêmios, como The Portrait Masters, WPPI (Wedding & Portrait Photographers International), Rise International e SWPP (Society of Wedding and Portrait Photographers). Recentemente, a profissional ganhou o primeiro e o segundo lugares na categoria de Retrato Individual e outra imagem também foi vice-campeã na categoria Ilustrativa no WPPI, que é o maior e mais importante evento para fotógrafos e videomakers profissionais, amadores e emergentes no mundo, realizado anualmente nos Estados Unidos. 

Sobre o novo projeto

A finalidade do ensaio “O Vestido Viajante” é abrir espaço e dar oportunidades a mulheres com uma história especial e Roberta transformou a iniciativa em uma ótima ocasião para associar o vestido viajante à complexidade do universo feminino. São 13 mulheres de várias nacionalidades, idades, raças e formas físicas variadas contempladas com essa iniciativa.  “A minha ideia foi de fotografar mulheres de diversas etnias, formas e que tivessem  uma história, seja para inspirar ou relatar algo para dividir com o mundo. E, lógico, para que elas pudessem ter a experiência de serem fotografadas como uma celebridade e de se sentirem ainda mais fortes, bonitas e empoderadas”, explica a fotógrafa. 

O vestido que figura nos registros foi cedido pela talentosíssima designer de moda Tolu Lope, da marca Shuggarreign, que mora em Los Angeles, na Califórnia, nos Estados Unidos. A peça já esteve na França, Reino Unido, Espanha, Itália, Suíça, Áustria, República Tcheca, Bélgica, e Alemanha, e, agora, está na Lituânia, no Leste Europeu. “Já conhecia Tolu virtualmente, mas tive o prazer de vê-la pessoalmente na mais recente passagem pelos Estados Unidos”, comenta Roberta.

Em breve, o vestido partirá para Portugal, Bulgária, Polônia, Dinamarca, Hungria, Grécia, Turquia, Israel, Jordânia, Hong Kong, Índia, Japão, África do Sul, Austrália, Nova Zelândia, Canadá e, finalmente, Estados Unidos.

Com a participação da brasileira, “O Vestido Viajante” acabou se tornando muito mais do que o projeto pretendia inicialmente. Alguns dos sentimentos comuns às fotografadas por Roberta é a descoberta do poder da autoestima apesar das difíceis vivências.

Roberta Montagnini