IV Festival de Finos Filmes foca em debates políticos

Além dos dezesseis curtas-metragens brasileiros, o festival conta também com exclusivo panorama do cinema português

Após passar por um pente fino, dos mais de 200 filmes inscritos no IV Festival de Finos Filmes, restaram dezesseis que participarão da seleção oficial do evento, dos dias 6 a 16 de maio, em salas do Museu da Imagem e do Som, FAAP, Matilha Cultural e Caixa Belas Artes, todas em São Paulo. A abertura oficial ocorre no dia 4 de maio, no Cine Caixa Belas Artes, em São Paulo.

Mostra Competitiva

Serão recebidos representantes de sete estados brasileiros: São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Espírito Santo, Pernambuco, Paraná e Minas Gerais. Diferentemente do ano passado, o festival não será competitivo. “A ideia é que o festival se torne, cada vez mais, um evento de debates que dialogue sempre com o contexto político atual. Nessa estrutura, os curtas-metragens são pontos de partida para uma discussão que ultrapassa o cinema”, afirma Felipe Arrojo Poroger, diretor da mostra.

Aposta em debates sobre política    

Como enfatiza o diretor da mostra, este ano a mostra se foca em debates a partir de filmes que dialoguem com o contexto político.

No dia 6 de maio, no MIS, às 16h30 está programado um debate sobre Cinema e Política, a partir da exibição de quatro curtas brasileiros. No encontro, estarão presentes o ex-prefeito Fernando Haddad, a psicanalista Maria Rita Kehl e o cientista político Cláudio Couto. “Os filmes que serão exibidos abordam diversos pontos da sociedade brasileira, tais como direitos humanos, precarização das condições de trabalho, saneamento básico. Como o tema é amplo, os convidados estarão à vontade para pensar os quatro filmes sob a perspectiva com a qual tiverem mais afinidade. Teremos três visões ricas e distintas sobre o que está na tela”, comenta Felipe.

Outro debate previsto, às 17h do dia 13 de maio no Matilha Cultural, é sobre habitação e especulação imobiliária, com exibição conjunta dos filmes Banco Imobiliário e Comissão de Vendas, ambos do cineasta Miguel Ramos, com a presença dos arquitetos Sílvio Oskman e Paula Santoro.

Panorama do Cinema Português

O IV Festival de Finos Filmes trará, em parceria com a Agência da Curta-Metragem, entidade portuguesa, um Panorama do Cinema Português, país cuja produção recente tem conquistado — todos os anos — espaço em grandes festivais, como Cannes e Berlim. Uma sessão especial, com obras da premiada produtora Terratreme, também é destaque do festival. “Precisamos pensar em novos modelos de produção e distribuição de curtas-metragens. Algumas experiências portugueses tem sido valiosas nesse sentido e, sem dúvida, podem servir de inspiração”, completa Felipe. A estreia é 8 de maio, às 19h, no MIS.

Mais informações - O programa oficial do IV Festival de Finos será divulgada 
nos próximos dias nas redes sociais do evento (facebook.com/finosfilmes). 
Mais informações sobre a Finos Filmes, empresa produtora do evento, podem ser
encontradas em www.finosfilmes.com.