SONY PMW-EX1: ALGUNS SEGREDOS

Dicas para manipular o contraste e as áreas escuras da imagem

 

Por Ricardo Bruini

Fotos: Ricardo Kruppa

 

 

CURVA DE GAMMA

 

Profissionais da área de fotografia – assim como os de cinema – sempre estiveram habituados a informações relativas à curva de gamma de cada diferente tipo de película fotográfica. Dessa forma, podiam definir qual o melhor filme para registrar determinada cena sob certas condições de contraste de luminosidade. No entanto, tal assunto não era comum entre profissionais de vídeo e TV, pois os equipamentos utilizados há algum tempo tinham sérias dificuldades em trabalhar com contrastes muito altos – ou mesmo manipular o sinal de vídeo para obter contrastes tonais distintos.

 

Com o advento de novas tecnologias e o crescente aumento na definição e na latitude de exposição das câmeras de vídeo, tornou-se cada vez mais comum a manipulação da curva de gamma nesses equipamentos, a fim de se obter resultados diferenciados com relação às áreas de luminosidade da imagem (baixas luzes, meios-tons e altas-luzes). Sendo assim, alterando-se a curva de gamma de uma câmera de vídeo, pode-se modificar a relação de contrastes das imagens captadas e, com isso, valorizar determinadas regiões.

 

Atualmente, quase todas as câmeras de vídeo de alta definição possuem algum recurso que permite a alteração da curva de gamma.

 

GAMMA

Na PMW-EX1, é possível encontrar, dentro do recurso de menu Picture Profile, algumas opções pré-determinadas de gamma, cada qual, com ligeiras diferenças entre si:

 

Level: permite ao usuário a escolha do nível que será aplicado na compensação de gamma (este valor estará relacionado ao gamma selecionado em “Select”). Valores de -99 (pouco alterado em relação ao original) a +99 (muito alterado em relação ao original), com padrão em 0.

 

Select: seleciona o tipo de alteração na curva de gamma que será aplicada à imagem captada. Com esta ferramenta, o usuário pode escolher a relação de contraste que melhor se adapte à proposta estética do produto audiovisual. São disponíveis as seguintes curvas pré-definidas: STD1, STD2, STD3, STD4, CINE1, CINE2, CINE3 e CINE4.

 

STD1: esta curva de gamma diminui o contraste nas áreas escuras da imagem (baixas luzes) e enfatiza o contraste nas áreas intermediárias (meios-tons).

STD2: diminui o contraste nas áreas escuras da imagem (baixas-luzes).

STD3: padrão de fábrica (standard).

STD4: enfatiza o contraste nas áreas escuras da imagem (baixas-luzes).

CINE1: suaviza o contraste existente nas áreas escuras (baixas-luzes) e acentua a gradação existente nas áreas de maior brilho (altas-luzes), conferindo à imagem captada uma atmosfera tranqüila, suave.

 

CINE2: o resultado da curva de gamma CINE2 é praticamente o mesmo daquele obtido com CINE1. A diferença é que, com CINE2 habilitado, o usuário obtém sinal de vídeo em 100% – utilizado para algumas opções de edição ou outras propostas.

 

CINE3: enfatiza o contraste entre as áreas claras e escuras da imagem, além de acentuar as gradações nas áreas escuras (baixas-luzes).

 

CINE4: comparada ao CINE3, esta curva enfatiza mais o contraste existente nas áreas escuras. Quando comparado com as curvas padrão (STD), o contraste nas áreas escuras é ligeiramente menor e o contraste nas áreas claras é mais acentuado.

 

BLACK

Permite o ajuste do nível geral de master black da imagem captada (também conhecido, em alguns equipamentos, como “pedestal”). Valores de -99 (black mais pálido) a +99 (black mais escuro) com padrão em 0.

 

BLACK GAMMA

Permite o ajuste do nível de “preto” na imagem captada, de maneira a enfatizar, apenas nas áreas escuras (baixas-luzes), os valores de black, tornando o contraste nesta região mais intenso (ou menos intenso).

Enquanto o Black permite o ajuste do nível de “preto” da imagem como um todo, Black Gamma permite o ajuste do nível de “preto” somente nas baixas-luzes. Grosseiramente falando, é como se Black Gamma fosse o ajuste fino de gamma para as regiões de baixas-luzes. Valores de -99 (black “desbotado”) a +99 (black mais escuro), com padrão em 0.

 

LOW KEY SAT

Permite o ajuste do nível de saturação de Low Key de maneira a tornar as cores existentes nas regiões escuras da imagem mais saturadas e brilhantes. Também é possível diminuir a saturação dessas cores, diminuindo, com isto, o ruído nessas regiões da imagem. Valores de -99 (cores menos saturadas) a +99 (cores mais saturadas), com padrão em 0.