STORYTELLING É A NOVA TENDÊNCIA EM VÍDEOS DE CASAMENTO

Foto: (ShutterStock.com)

Produtora transforma o vídeo da cerimônia em uma verdadeira história de cinema

Já pensou em transformar sua cerimônia de casamento em uma verdadeira história de cinema? Pois saiba que agora isso é uma tendência. O storytelling, palavra em inglês que significa capacidade de contar histórias relevantes, está invadindo as produções de vídeos de casamentos, e transformando a forma de realizar e assistir às filmagens.

E quem tem apostado nesta tendência, é a Nano Filmes, empresa que há 7 anos atua em Sorocaba, interior de São Paulo. A produtora vai muito além de apenas filmar o seu casamento, eles se especializaram na arte de contar histórias reais, onde os casais são os protagonistas em uma produção dinâmica, com técnicas utilizadas em cinema.

Como o surpreendente, normalmente, é visto na sutileza dos detalhes de qualquer história, a empresa busca situações diferentes e inspiradoras na hora de montar um filme. “Já tivemos noivas que costuraram seu próprio vestido, ou que junto com as madrinhas, fizeram a decoração da própria festa. Tudo isso é história para contar. E se é história, a gente coloca no vídeo”, conta Gabriel Casagrande, sócio- proprietário da produtora.

O empresário ainda comenta, que um dos vídeos mais cativantes já produzidos, foi sobre uma situação onde a noiva descobriu que estava grávida enquanto planejava os detalhes para festa de casamento. Já em outra produção, a Nano captou um pedido de casamento que acabou virando o tema principal da história. Na ocasião, o musico Dirceu Marques Junior, de 34 anos, reuniu os amigos e preparou uma serenata para a até então noiva, a maquiadora Luciana Bortoline Leite, de 29 anos.

“A Nano acompanhou a surpresa e conseguiu captar a emoção daquele momento. Ao assistir o vídeo, percebi que representou exatamente como foi”, relembra a esposa. Vale ressaltar que, entre as técnicas utilizadas nas gravações, estão a proporção de enquadramento e de tempo, imagem e cor, movimento de câmera, e outras linguagens técnicas que são traduzidas em emoção e sensação na hora de captar e editar as imagens, transformando a produção em uma verdadeira história de cinema.

Luciana ainda conta, que outro ingrediente importante para ela, é a duração dos filmes, que não passam de 25 minutos. A equipe também se especializou em editar e veicular o vídeo durante a festa, o que contribui para aumentar o clima de emoção. Dessa forma, o tempo nesse curta-metragem de amor passa a ser imperceptível diante de um conteúdo dinâmico e real. “Não é um vídeo enjoativo, que você quer que acabe logo. Na verdade, você assiste várias vezes e se emociona em todas elas”, completa.

Se interessou? Para mais informações, entre em contato com a empresa através do site, clicando aqui.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here